quinta-feira, 28 de abril de 2016

Até sempre, Super Tiago

Pus-me a vaguear pelo facebook e rapidamente percebi que algo mau acontecera.
Muita gente a partilhar uma mesma imagem, a do Super-T. Só poderia ser por um motivo...
Confirmei as minhas suspeitas rapidamente.
Mais um pequenino que se perde nas garras do cancro.
Não consigo imaginar sequer a dor dos pais. Não quero nem imaginar o que é passar pelo que eles passaram e estão a passar.
Não os conhecia pessoalmente, apenas de vista, por serem de onde sou originalmente. Foram alunos da minha mãe.
Lutaram muito, mas perderam esta guerra (não é apenas uma batalha...).
Nenhum pai devia passar pela perda de um filho. Nenhum.
Que Deus os acompanhe, que lhes dê força para se aguentarem. Que tenham quem os ajude neste momento de dor.

(e de repente, quero é que se lixem as noites mal dormidas pelos acordares da minha pequenina. quero é tê-la junto de mim, saudável e feliz)

Sem comentários: