quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Está tão crescida #3

Hoje subiu sozinha um lanço de escadas com 9 degraus!!!

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Férias! :)

Sexta feira, véspera de férias!
Pois é, na próxima semana e mais uns diazitos, estarei de férias.
Os planos?
   ...descansar a cabeça,
   ...estar mais tempo com a minha pequenina,
   ...mudar de ares,
   ...arrumar coisas em casa,
   ...passear,
   ...mimar-me,
   ...namorar

Não obrigatoriamente por esta ordem! ;)

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Jantar de ontem

Ontem o jantar da pequena (e o meu também) foi assim:


Batata, feijão verde, brócolos, ervilhas e ovo, tudo cozido, apenas uma micro pitada de sal e um fio de azeite.
Comeu muito bem, apesar de não ter comido tudo. Deu prazer vê-la a comer, a mastigar muito direitinho (embora sem dentes). :)


terça-feira, 15 de setembro de 2015

Está tão crescida #2

Já gatinha (custou mas agora lá vai)!

Já se põe em pé sozinha (apoiada, claro), inclusivé no berço (ai, ai)!
Imita o som do cavalinho! :)
Dá beijinho a pedido! :*

Barreiras

Está montada, entre a sala de estar e o salão, a primeira barreira / cancela nas escadas de casa, para evitar que a pequerrucha se atire por elas abaixo.


Ainda falta colocar em pelo menos dois sítios: à porta do quarto dela e entre a sala de estar e sala de jantar.
Viver em casas com 6 lanços de escadas com 9 degraus cada dá nisto: barreiras por todo o lado! :D

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

A caminho de uma casa habitável #2

Nada como umas visitas menos habituais para nos obrigar a dar uma arrumadela à casa.
A sala de jantar já ficou com um ar bem mais apresentável, com a retirada das papeladas que por lá andavam.
Mas, e há sempre um mas, neste caso dois:
     1. as coisas foram despachadas dentro de sacos para o salão (que se parece cada vez mais com uma zona de guerra), o que implica que ainda têm de ser devidamente organizadas;
     2. ainda é preciso organizar decentemente o topo dos "cubos aparadores".
Só depois disso se poderá dizer que a sala de jantar está como deve (minimamente).

Ainda não terminei a arrumação das roupas mas planeio dedicar-me a isso esta noite, depois de deitar a pequerrucha.

Ando a ponderar ler este livro:

Conhecem? Já leram? Que acharam?
Tenho lido críticas muito boas. Pode ser que me dê uma ajudinha a virar a minha casa, e evitar os tempos perdidos à procura das coisas.

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

...

Não sei onde nem quando nos perdemos mas, às vezes, temo que tenha sido há tanto tempo e tão lá longe, que não consigamos reencontrar-nos...
Imagem retirada daqui

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Nham, nham...

Hoje é dia disto aqui na empresa.
Eu sei que não devia mas que que fazer??

A caminho de uma casa habitável #1

Ontem quase que me deixei levar pela preguiça mas ataquei mais 2 gavetas do meu roupeiro. Anteontem já tinha arrumado uma (a que estava cheia disto e daquilo, coisas pequeninas, roupa interior, cintos, coisas...) e ontem lá organizei mais duas, e mais uns cabides.
Dobrei e organizei imensa roupa (as gavetas são grandinhas), tirei fotos a outras para colocar a vender (não custa tentar), selecionei outras ainda para dar.
Hoje, com jeitinho, arrumo a última gaveta e passo para os cabides. Tá tudo desorganizado e há ainda coisas para despachar. Pode ser que consiga fechar a minha parte.
Depois fica a faltar a parte do maridão, mas isso terá de ser ele (ou pelo menos, com ele) a fazer.

Depois do quarto, passo à sala de estar, para organizar (a sério) um cantinho para a minha pequerrucha!

Um dia de cada vez, pequenos passos consistentes, e a casa vai acabar por ficar como deve! :)

quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Hoje é o dia!


Hoje vou gastar investir um pouco do meu tempo a procurar receitas para fazer para a minha pequerrucha. E para nós. E planear as refeições dos próximos dias (as dela e as nossas) para simplificar a minha vida ao final do dia e melhorar a qualidade alimentar dela.
Estou a protelar demasiado a introdução de novos alimentos e novas texturas. A atrasar novas experiências no que toca ao momento da refeição (pegar na comida com as mãos, provar novos sabores, comer ao mesmo tempo que nós).
Está na hora de o fazer. Não dá para adiar mais.
Hoje é o dia!

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Dúvida Existencial

Como é que se conjuga "não gostar de cozinhar + preguiça" com "querer dar uma alimentação adequada à filha"?
Não sei, mas tenho de descobrir muito rapidamente!

Eu, em BD...

(não foram feitos por mim nem para mim, mas parece... )

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Está tão crescida #1

Bate palminhas!
Já se senta sozinha!
Já diz "oiá" quando lhe dizemos olá!
Já acena adeus, quando nos despedimos dela!

Este fim de semana, em casa

...montamos, finalmente, o camiseiro e a cómoda no nosso quarto. Já temos mais espaço para arrumar a roupa! :)
...pus algumas coisas (essencialmente livros) à venda no OLX. Não tenho grande esperança de os conseguir, de facto, vender, apesar de estarem em excelente estado, mas não custa tentar!
..."despachamos" para casa dos meus sogros a máquina de café de filtro (que andava por lá meio perdida) e um dos microondas (sim, tínhamos 2). Já sobra um pouco mais de espaço na cozinha.

Aos poucos, vamos ficando com a casa mais arrumada, mais desanuviada, mais habitável! :)

Já não falta tudo para o quarto dela

Na sexta feira fui buscar o cesto e no sábado o tapete.
Aqui ficam as minhas compras no OLX:

 
Não é lindo, o tapete? Adoro-o. Vai ficar o máximo no quarto da pequerrucha.

Só falta arranjar um colchão maiorzito e decidir a questão do móvel (se deitamos o que temos, que é uma estante alta, ou se arranjamos outro, mais à medida da nossa pequenina).
Vou comprar um ou dois espelhos para colar na parede. E ontem compramos tinta "tipo ardósia", para criar um espaço "de artes" num cantinho do quarto. 

Quando terminarmos, acho que ela vai adorar o quarto dela! :)

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Sobre a "crise" dos refugiados...

...e depois das últimas imagens, só consigo pensar em duas coisas:

  • Como sou grata por tudo o que tenho, pela saúde da minha filha, pela possibilidade que temos de viver uma vida confortável, num país em paz. Que assim seja sempre.
  • O que posso fazer para ajudar? Sei que o que quer que faça será pouco nesta desgraça imensa, mas se todos fizermos um pouco, poderemos contribuir para a mudança. Donativos (monetários ou em bens ) e subscrição de petições a quem pode de facto fazer grandes mudanças são as formas mais simples de ajudar. Podem ver aqui essas e outras sugestões de como agir. Ficar a olhar não pode ser opção. Não pode mesmo!!!

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

OLX e o Quarto Montessoriano

Começo a ficar maravilhada com o OLX (poderia ser um qualquer outro site do género, mas é este, pronto).
Já tinha ficado satisfeita quando vendemos umas coisas lá de casa.
Mas tenho vagueado por lá nestes últimos 2 / 3 dias e de facto encontra-se por lá de tudo, e quase diria tudo o que eventualmente possamos precisar.
Encontrei uma bela cesta (da IKEA) para colocar os brinquedos da pimpolha a 5€ (preço original 13,99€) e um lindo tapete de 1,40x2,00m por 20€ (não sei o preço original, mas em lojas não tenho encontrado tapetes com dimensões de jeito a menos de 80€ e quase todos mais feios e com aspeto de menor qualidade). Quando os tiver comigo, deixo aqui as fotos! :)

Ambos os artigos servirão para a remodelação do quarto da minha pequerrucha, de acordo com o método Montessori.
Aos poucos, as alterações vão ganhado forma na minha cabeça.
Penso que lá para meio deste mês já conseguirei ter tudo reestruturado! :)

Bons sonos

Depois de 2 noites a acordar cedo demais, hoje a nossa pequenina voltou ao seu ritmo normal, acordando pelas 7:30h.
Assim está melhor! :)

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Quase, quase... ou talvez não, sei lá!

Hoje pesei-me. Não gostei do que vi, embora não tenha ficado nada surpreendida.
Não sei exatamente quando vou ganhar juízo mas... estou mesmo convencida que deve estar para breve! :)

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Aventuras de manicure

No início de Agosto decidi que estava na hora de voltar a andar com as unhas arranjadas. Depois da minha pequenina nascer, nunca mais tinha pintado as unhas e já começava a sentir falta de olhar para a mão e vê-la bem arranjada.
Como tempo é coisa que não tem abundado e pintar unhas à noite normalmente não traz grande resultado, aproveitei um fim de semana em casa dos papás para lá deixar a piquena e ir tratar da manicure. Optei por colocar verniz de gel (aka gelinho) para ter a certeza que teria mãos apresentáveis durante mais tempo.
Tudo muito bem, as unhas ficaram lindas com um vermelho escuro, que se aguentou maravilhosamente durante 3 semanas inteirinhas.
Mas neste fim de semana algumas começaram a lascar e estava na hora de tirar aquilo.

E aí começa a aventura... não me apetecia gastar tempo e dinheiro para ir a algum sítio tratar do assunto, pelo que fiz umas pesquisas neste vasto mundo da internet e encontrei dicas de como tirar aquilo em casa.
Vai de comprar acetona (não encontrei pura, mas pensei cá para mim que havia de dar na mesma) e toca a experimentar.
Embebi algodão na acetona, coloquei sobre a unha e envolvi em papel de alumínio, ficando nesta linda figurinha, e esperei 15-20 minutos!


Mas não posso dizer que funcionou muito bem... Se é certo que em algumas o verniz se desfez, noutras tal não aconteceu. Por isso, toca de limar as unhas para retirar os restos de vermelho. 
As unhas ficaram com aspeto lastimável (para não dizer pior). Nem quis registar fotograficamente tal coisa. Acho que durante uns tempos não vou poder andar sem verniz.

Solução: pintá-las com um verniz escuro.
E hoje estão assim:


(re)Descobri que afinal pinto bastante bem e rápido as unhas. Fiz esta pintura na hora de almoço, em pouco mais de 5 minutos. Pode demorar um cadito a secar, mas se me puser em frente ao pc a trabalhar de seguida, não causo dano nas unhas. 

Ou seja, vai ser nesse horário que passarei a fazer a minha manicure. Ou melhor, à noite tiro o que tiver e coloco a base. E depois na hora de almoço do dia seguinte pinto as unhas e pronto!
Fica a manicure resolvida e as mãos com bom aspeto! :)

Há manhãs assim

Hoje a cachopa acordou cedo demais. Ainda nem 6h da manhã eram e ela já estava a dar sinais. Tentei que adormecesse novamente na sua camita, mas após uns 20 minutos a rabear, desisti, peguei nela e levei-a para a minha cama (conveniência minha, claro, que assim podia estar deitada um pouco mais).
Antes das 7h da manhã adormeceu novamente... e depois não queria acordar. Já passava das 8.30 quando ganhei coragem para lhe ir mexendo um pouquito para a despertar (estava com um ar tão tranquilo que não fui capaz de lhe perturbar o sono mais cedo).

Conclusão: cheguei tarde ao trabalho!